Inspiração: cachorros

15 de jul de 2014



Inspiração do dia: CACHORROS

Um cão não precisa de carros modernos, palacetes ou roupas de grife. Símbolos de status não significam nada para ele. Um pedaço de madeira encontrado na praia serve. Um cão não julga os outros por sua cor, credo ou classe, mas por quem são por dentro. Um cão não se importa se você é rico ou pobre, educado ou analfabeto, inteligente ou burro. Se você lhe der seu coração, ele lhe dará o dele. É realmente muito simples, mas mesmo assim, nós humanos, tão mais sábios e sofisticados, sempre tivemos problemas para descobrir o que realmente importa ou não. 
Marley e Eu.


Não preciso nem dizer que é impossível não amar esses anjos peludos né?! Eles são super companheiros e amigos para todas as horas, você pode sempre contar com o seu cão. Além do carinho eles podem ser super fofinhos e alegrar o seu dia. Vou falar aqui de algumas raças que mais me inspiram quando penso em "cachorros".

PUG
Vou começar com este pequenino de olhos grandes que é uma coisinha adoravelmente linda, tenho uma amiga que tem um pug chamado Ully, essa raça esbanja fofura por onde passa. Há quem diga que não gosta, mas ao conhecer um pug não tem como não se apaixonar. Os pugs viraram sensação entre os instagramers! Há diversos perfis super populares que declaram todo amor por essas coisinhas gostosas.


Os Pugs surgiram na Europa, inicialmente na Holanda, possivelmente em consequência da famosa companhia mercantil, a Dutch East India Company. Os holandeses nomearam a raça Mopshond, como é chamada ainda hoje por lá.  Os Pugs pretos foram retratados em pinturas de William Hogarth, no século XVIII (House of Cards, 1730). O artista era um proprietário orgulhoso de seus Pugs, e ilustrava muitos deles em suas pinturas. Graças a ele, existe um registro excelente da aparência da raça a 250 anos atrás.


O Pug é um excelente cão de companhia, pesa entre 6 e 8 kilos. 

Uma peculiaridade é a cauda fofa e enroladinha ♥

Esses adoráveis bichinhos custam mais ou menos R$ 2.000,00. Acho que eu já falei muito de pugs, dá para perceber o tamanho do amor que eles são né?! Vamos para a próxima raça...

DÁLMATA
Esta também é uma raça que me enche os olhos: pintas, pintas, pintas! Quando eu era pequena meu vizinho tinha um dálmata chamado Hans, eu ficava tentando contar as pintinhas dele.



Apesar de sua origem antiga, não se sabe a época e o local exato do princípio da raça. Seu nome vem de Dalmatia, oeste da Iugoslávia, acredita-se que o Dálmata é Iugoslavo. Há evidências de que era usado como "cão de carruagem" na idade média. 

Ele é um amigo divertido e impaciente, precisa se exercitar muito, ama correr e perambular por ai. Costuma se dar bem com outros cães e animais de casa, mas gosta mesmo é de cavalos. Tende a ser um cãozinho teimoso. Preciso mencionar os 101 Dálmatas? 


Um filhote custa em média R$ 800,00 a R$ 1.200,00


HUSKY SIBERIANO
Esses charmosos peludos vem da Sibéria, Rússia óbvio Claudia, sua função original era puxar trenós, se dão muito bem com o frio - meu tipo de cachorro - eles praticamente tem um casaco de pele.


Huskys costumam ser muito divertidos, brincalhões, inteligentes e teimosos. Não gosta de dividir a atenção do dono, e por não ser de porte pequeno, não combina com locais apertados. O melhor é criá-los em locais com campos abertos onde possam correr, eles adoram correr. São caçadores natos.

E lá vem fotos...

Eles costumam ser cães divertidos, sua semelhança com lobos é incrível! Eu sou completamente louca por esses cachorros.

Custam em torno de R$ 800,00.

Vira-lata
Se tem um cão companheiro, amigo, solidário e protetor esse é o vira-lata. Resultante do cruzamento de raças aleatórias, a maioria é de médio a grande porte. Há certo preconceito com eles e são considerados feios por algumas pessoas sem alma. Eu já tive diversas raças de cachorro, cocker, terrier, enfim, atualmente sou mamãe de um vira-lata bagunceiro e mordedor que eu amo muito.


Eu sou daquele tipo de gente que se fizesse veterinária iria à falência, sério, tenho vontade de pegar todos os cachorros de rua para cuidar, dar banho e muito carinho (cachorros de rua são tão carentes, pare e observe). Sempre coloco ração e água na calçada da minha casa, odeio imaginar os pobrezinhos passando fome e sede. Quando amigáveis (que fique bem claro, perceba se o cão é dócil), sempre faço carinho neles, acredito que todos tem direito a saber o que é o amor e afagar é uma boa maneira de demonstrar isso a ele.


(12) Likes | Tumblr
"Espere, não compre um cão, adote a mim!"

Pode parecer meio contraditório eu falar que vocês não devem comprar cães depois de um post falando tanto de cachorros de raça, o que eu quero dizer é que se estiverem na dúvida escolham adotar, se puderem ter dois ÓTIMO, tenham um de raça e um vira-lata, quando adotei um vira-lata ainda tinha a minha cocker, e os dois se deram bem pra caramba!

Faça a diferença na vida de um amiguinho de rua! 
Adotar é tudo de bom.

A Pedigree mantém um site com um trabalho legal sobre adoção, tudo que é preciso saber antes de adotar um anjinho está em www.pedigreeadotaretudodebom.com.br. Lá você encontra também uma lista de abrigos, pode ser que tenha um bem perto de você.


Nenhum comentário :

Postar um comentário

Made With Love By The Dutch Lady Designs